quinta-feira, 14 de novembro de 2013

Viajantes: Palmeiras.


"Qualquer trecho da selva que divise na foz do Amazonas, sobretudo para o sul da linha equinocial, é todo entremeado desses vegetais, que fornecem à nossa gente, numa prodigalidade materna, a madeira, óleo, a cera, a palha, o tóxico, o marfim, a tala, o remédio, a goma, o palmito, a água, a farinha, o leite, o fruto. Deles se fazem casas e canoas, pontes e redes, armas e paneiros, balaios e gaiolas, cercas e armadilhas, botes e joias." Raimundo Morais (1872-1941). Paiz das pedras verdes. 1930, p. 104.
 
 

 
Astrocaryum vulgare e Cocos nucifera.
 C. Fr. von Martius. Historia naturalis palmarum. 1823-1850.
 


Nenhum comentário:

Postar um comentário