sábado, 27 de agosto de 2016

Diversas espécies de pássaros


"A quantidade das diversas espécies de pássaros nas florestas do Maranhão parece maior ainda que a dos quadrúpedes. É notável que quase nenhum tem canto agradável: é principalmente pelo berrante e pela diversidade de cores da plumagem que eles interessam.
Nada iguala a beleza das penas do colibri, de que vários autores falaram, e que se acham na América em toda a Zona Tórrida. Notarei apenas que apesar de que ele passa comumente por habitar somente os países quentes, não os vi em nenhuma parte mais numerosos do que nos jardins de Quito, cujo clima temperado mais se aproxima do frio do que do grande calor. O tucano, cujo bico vermelho e amarelo é monstruoso em proporção com o corpo, e cuja língua a modo de pluma solta  passa por ter grandes virtudes, não é tampouco particular do país de que trato. As variedades de papagaios e araras, em tamanho, cor e aspecto, são sem conta; entre os primeiros rareiam os inteiramente amarelos, com manchas verdes nas extremidades das asas. Destes só vi dois no Pará. Não conhecem aí absolutamente a espécie cinzenta, que tem a ponta das asas cor de fogo, e tão comum na Guiné. [...]". Charles Marie de La Condamine (1701-1774). Viagem na América Meridional descendo o rio das Amazonas. 1944, p. 121.
 
 
Beija-flores.
Álbum de aves amazônicas - 1900-1906
Desenho de Ernst Lohse (1873-1930)
Acervo da Biblioteca Domingos Soares Ferreira Penna - Museu Goeldi


Nenhum comentário:

Postar um comentário