domingo, 28 de julho de 2013

Sagüis

"Na mesma floresta eu fiquei muito interessado em observar as cabriolas de um grupo de saguis. Eu estava de pé em silêncio na picada, quando, ouvindo um assobio chilreado, percebi, em meio aos galhos de uma árvore acima de mim, duas cabecinhas me espiando de trás de um galho; eles imediatamente recuaram ao notar meu olhar, depois, com cautela, levantaram as cabeças e tornaram a se esconder Um deles então saiu em disparada, evidentemente para buscar outros, pois logo a árvore toda ficou abarrotada deles; sempre que eu fingia olhar para baixo podia vê-los todos avidamente me examinando; quando eu levantava os olhos, suas cabeça sumiam de vista, e seus assobios trinados e tagarelas não paravam um só minuto; sempre que eu me movia eles davam gritos de alarme e alguns fugiam para voltar logo e continuar sua brincadeira [...]; devia haver muitas dúzias deles na árvore quando eu saí. [...]". James W. Wells. [1841-?]. Explorando e viajando três mil milhas através do Brasil: do Rio de Janeiro ao Maranhão. 1995, v. 1, p. 188.
 
 
 
 
 
Desenho de Ernst Lohse (1873-1930)
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário