domingo, 4 de janeiro de 2015

Viajantes: Frutos curiosos!



"Nessa região frutos notáveis por seu tamanho, pela beleza ou por seu aspecto grosseiro são mais encontradiços que flores vistosas. As grandes vagens dos ingás já foram aqui descritas, e outras Leguminosas também possuem vagens  de tamanho idêntico, contendo às vezes enormes bagas achatadas, grandes como a palma da mão. As vagens das Bignoniáceas são cheias de sementes chatas, muito aglomeradas, circundadas por uma delicada película transparente, às vezes de uma polegada [2,5cm] ou até mais de largura. Grandes  frutos redondos, lembrando balas de canhão, podem parecer fora de lugar pendendo dos galhos descarnados de uma humilde cuieira (Crescentia cujete) mas estão longe de ser mais perigosos ali do que os cachos  de frutos pendentes das altas castanheiras (Bertholletia), os quais, quando caem, chegam a afundar no solo. Pobre do incauto bípede ou quadrúpede que por azar  estivesse passando por ali naquele exato instante: teria infalivelmente rachada a sua cabeça." Richard Spruce (1817-1893). Notas de um botânico na Amazônia. 2006, p. 64.
 
 
Castanha-do-Pará
Ilustração de Eron Teixeira - 2013


Nenhum comentário:

Postar um comentário