domingo, 8 de março de 2015

Viajantes: As Palmeiras.



"[...]. Mas o que mais se encontra talvez nessas florestas é a palmeira. Há cerca de quarenta espécies comuns, de todas as formas, todas as espessuras, todas as elegâncias e todas as grandezas. Algumas sequer têm tronco; outras são apenas lianas, algumas saem da terra inteiramente retas, outras têm como que pé de colunas formadas de raízes aéreas por meio das quais engancham-se na terra nutriz; algumas são úteis, outras não têm mais nenhuma serventia. O açaí, o patauá, a bacaba, o miriti são apreciados por seus frutos, cuja drupa triturada na água morna faz uma bebida muito nutritiva e bastante agradável. [...]". Pe. Constant Tastevin (1880-1958). In: FAULHABER, Priscila; MONSERRAT, Ruth (Orgs.). Tastevin e a etnografia indígena. 2008, p. 29.
 
 
 
Palmeiras açaí.
 Praça Batista Campos - Belém-Pará-Brasil
Fotografia: Olímpia Reis Resque


Nenhum comentário:

Postar um comentário