sexta-feira, 31 de março de 2017

Tucanos de peito branco


"Alta madrugada fomos surpreendidos por mais chuva, vendo-nos forçados a ir para a canoa e ali, acendendo o nosso fogão. Distraimo-nos contando histórias uns aos outros. O dia amanheceu carrancudo, a mata respingando fortemente. Eu estava satisfeito, pois dormira pouco, porém aprendera mais um pouco de Nhêengatu com o Velho Plácido.
Preparamo-nos para largar. Tomei outro banho no igarapé e às 6 horas em ponto, quando apareceu o primeiro bacurau, rumamos para Tatupiera.
As aves desta região são as mesmas do Rio Negro: tucanos de peito branco, taquiris, garças, marianitas, martins-pescadores, siriris e alguns belos cotingídeos desconhecidos por mim. [...]". José Cândido M. Carvalho. Notas de viagem ao Rio Negro. Publicações Avulsas do Museu Nacional, Rio de Janeiro, n. 9, p. 58, 1952.



Tucanos.
 John Gould (1804-1881). A Monograph of The Ramphastidae or faimily of toucans.  2. ed. 1992.

Nenhum comentário:

Postar um comentário